11 Dicas importantes para contratar uma Melhor Hospedagem de Site

melhor hospedagem de site

Na hora de contratar uma melhor hospedagem de site é comum surgirem muitas dúvidas, é por isso que eu vou compartilhar com vocês algumas dicas que vão ajudar na tarefa de escolher um melhor serviço de hospedagem de site.

Para início de conversa é bom salientar que não existe serviço de hospedagem de site perfeito. Cada empresa de hospedagem de site vai atender melhor um determinado tipo de projeto. Por esse motivo é importante avaliar os requisitos do projeto e analisar os tipos de hospedagem de sites disponíveis no mercado.

Geralmente a hospedagem de site compartilhada vai atender muito bem a necessidade de quase todos os projetos, mas existem algumas situações que fogem desta “regra”. Sites com uma grande quantidade de visitas podem precisar de um serviço mais robusto, como uma hospedagem VPS, cloud ou dedicada.

Mas não é só isso, existem uma série de pontos e questões que precisam ser avaliadas antes de contratar um serviço de hospedagem, conforme veremos a seguir.

1 – Acesso Root e personalizações

O que define o tipo de hospedagem usado pelo projeto é quase sempre a quantidade de acessos. Mas em alguns casos, existe a necessidade de personalizar o servidor ou instalar aplicações adicionais no mesmo, e essas modificações são possíveis apenas em serviços de hospedagem dedicada, VPS e cloud.

Se você está contratando estes serviços para obter acesso Root não se esqueça de verificar antes se a empresa oferece o acesso de “super administrador” ao servidor. Mesmo serviços como estes citados podem não permitir o acesso “Root”. Algumas empresas só permitem acessar o serviço através de um painel de administração, assim como ocorre na hospedagem compartilhada.

2 – Disponibilidade da aplicação

Um fator também que pode ter um grande peso na escolha da hospedagem de site é a aplicação que será utilizada. Para quem tem algum serviço baseado na web, onde qualquer interrupção pode trazer sérios prejuízos, é importante escolher um serviço com SLA de pelo menos 99,99%.

O SLA ou uptime é o tempo mínimo que a empresa garante o funcionamento do serviço. Quanto maior o SLA oferecido, em tese, maior é a disponibilidade do serviço.

Existem o que nós chamamos de “garantia uptime” que é um compromisso firmado pela empresa de hospedagem para manter seu site ou aplicação online por aquele período mínimo do tempo.

Mas é preciso contratar um serviço de qualidade, porque prometer uma uptime alto é fácil, porém cumprir essa promessa pode não ser muito fácil para algumas empresas

Você também precisa ficar atento ao tipo do serviço contratado. Serviços como hospedagem cloud tem uma confiabilidade maior que serviços de hospedagem compartilhada por exemplo.

Os tipos de hospedagem de sites mais confiáveis são:

  1. Hospedagem cloud;
  2. Hospedagem dedicada;
  3. Hospedagem VPS;
  4. Hospedagem Compartilhada.

Sendo o primeiro o mais confiável e o último o menos confiável. Quanto mais confiável, maior a chance de ter um uptime/SLA mais alto.

Ou seja, se você realmente quer um serviço confiável, com um uptime alto, é preciso recorrer a hospedagem Cloud. Por mais que as empresas prometam, uma hospedagem compartilhada nunca vai ter o mesmo SLA que uma hospedagem Cloud.

3 – Suporte técnico

Se você é um usuário expert provavelmente não tenha muito com o que se preocupar em relação ao suporte, pois ele só é necessário quando encontramos algum problema ou dificuldade em relação a utilização do serviço.

Agora se você é como a maioria das pessoas que não entende muito bem de hospedagem e servidores, é bom procurar por um serviço com um melhor atendimento ao cliente.

Poder contar com um suporte de qualidade ajuda bastante na escolha da melhor hospedagem de site. Digamos que você tenha algum problema com o site, apesar de não ser responsabilidade da empresa, eles sempre procuram ajudar o cliente de alguma forma.

Obviamente estou me referindo a empresas com um bom atendimento ao cliente. Não esqueça de avaliar também os canais de atendimento oferecidos pela empresa. É muito importante contratar um serviço que ofereça canais de atendimento em tempo real (exemplo telefone ou chat).

Geralmente a preferência é por serviços que tenham atendimento por telefone, mas eu sinceramente prefiro conversar por chat. Então fica a seu critério, escolha uma melhor hospedagem de site que ofereça um canal de atendimento que seja melhor para você e você não precisa esperar muito pela resposta assim como ocorre com tickets e e-mails.

4 – Tráfego mensal

Você pode não saber, mas existem serviços que limitam o número de acessos ao seu site. Com o tráfego mensal limitado na prática você tem um número de acessos restrito.

Quando seu site ultrapassa esse limite é preciso pagar uma taxa extra para continuar recebendo acessos ou seu site pode ficar indisponível.

Para não ter preocupação com limite de tráfego e nem ter o risco de perder visitas por ficar com o site fora do ar, dê preferência por serviços que ofereçam tráfego mensal ilimitado.

5 – Armazenamento de arquivos

Cada projeto tem necessidades diferentes, alguns precisam de muito ou pouco espaço em disco. Um site que tem muitas fotos ou imagens precisa de uma hospedagem com uma maior capacidade de armazenamento.

Para um usuário “convencional”, que vai criar um site ou blog, um serviço de hospedagem básico consegue atender bem as necessidades de armazenamento. O espaço em disco oferecidos é mais que o suficiente para a grande maioria das necessidades.

Quando o projeto requer muito espaço, não esqueça de verificar o espaço em disco oferecido pela empresa de hospedagem. Os serviços com espaço em disco ilimitados são cada vez mais raros, então é importante avaliar bem esta característica do serviço antes de fazer a contratação do mesmo.

6 – Velocidade de acesso

Sites lentos oferecem uma péssima experiência de navegação, mancham sua reputação, além de serem prejudicados no SEO. Uma das tarefas básicas de SEO é otimizar o site para ele carregar mais rápido

E com um serviço de hospedagem ruim por mais que seu site seja bem otimizado ele vai carregar lentamente. Isso ocorre devido à baixa qualidade do serviço de hospedagem de site.

Alguns serviços de hospedagem não possuem uma infraestrutura adequada. Muitas vezes os links de internet possuem uma banda muito limitada. Esse é só um dos fatores que deixam seu site lento

Outro motivo muito comum para ter um site lento é utilizar uma hospedagem de site que hospeda um número muito grande de sites num mesmo servidor compartilhado, sem qualquer tipo de controle. Empresas de baixa qualidade com essa prática tornam o site extremamente lento e o fazem cair a todo instante.

7 – Preço e moedas para pagamento

Não existe relação entre preço e qualidade no mercado de hospedagem de site. Um serviço caro nem sempre é bom e um barato nem sempre é ruim. Por mais que o preço deva ser levado em consideração, ele não pode ser visto como um fator decisivo.

Na hora de escolher a melhor hospedagem de site dê preferência a empresas que ofereçam um serviço de qualidade por um melhor preço e também não se esqueça de avaliar os métodos de pagamentos disponíveis.

Outro fator que deve ser avaliado é a moeda de pagamento, pois alguns serviços podem cobrar em dólar. A flutuação da moeda americana no Brasil pode alterar bastante o preço final do serviço a cada mês.

É por isso que você deve dar preferência a serviços que ofereçam o pagamento em real.

8 – Política de satisfação garantida

Alguns serviços oferecem um período de garantia onde você pode solicitar a devolução integral dos valores pagos caso não fique satisfeito com a qualidade da hospedagem.

A política de satisfação garantida ou “money back”, é como são chamados esse processo onde a empresa devolve integralmente o seu dinheiro caso não goste do serviço oferecido.

Essas empresas são uma ótima opção para quem não está muito confiante ao contratar uma hospedagem de site. A maioria das melhores hospedagem de site possuem este tipo de política, geralmente oferecem entre 7 e 30 dias para testar o serviço gratuitamente.

9 – Segurança dos dados

Relatos de empresas que tiveram servidores invadidos não são raros. No caso de uma hospedagem de site a invasão de um servidor pode dar acesso total os dados e arquivos do seu site.

Para não sofrer com este tipo de problema é preciso contratar uma melhor hospedagem de site, que possua uma política de segurança rígida.

Além da questão de invasões, a empresa de hospedagem deve oferecer discos redundantes (raid), sistemas de backups, entre outras soluções para proteger seu site de perda de dados em caso de falhas de hardware.

10 – Facilidades

Um site sem um gerenciador de conteúdo não é nada. Certamente você vai ter que instalar algum CMS como o WordPress. É ele que vai dar vida ao seu site e permitir que o conteúdo seja inserido facilmente através de uma interface web amigável.

Alguns serviços de hospedagem de site oferecem ferramentas que permitem instalar aplicações populares em poucos cliques do mouse.

Os gerenciadores de conteúdo, além de facilitar o gerenciamento do site, oferecem uma série de ferramentas de SEO, otimização, entre outras, que tornam seu site muito mais atraente para o usuário e para os buscadores.

11 – Descontos e promoções

Contratar um serviço de hospedagem de site em promoção pode proporcionar uma ótima economia no final do mês. Algumas empresas oferecem descontos incríveis para atrair clientes.

Algumas das empresas que tem como prática oferecer bons descontos são HostGator, UOL Host e Hostinger. Já outros serviços não costumam oferecer muitos descontos para o cliente e possuem um valo elevado.

Conclusão

Seguindo essas 11 dicas você vai contratar um melhor serviço de hospedagem para seu projeto, além de economizar um bom dinheiro ao contratar o serviço correto e com preços mais baixos.

Não se esqueça que a hospedagem de site vai influenciar o SEO do seu site. Portanto, é imprescindível a contratação de uma melhor hospedagem.

Somente com um serviço de qualidade é possível oferece uma boa experiência de navegação para o usuário e ficar bem posicionado no Google.