Entenda porque um site é importante para quem tem um negócio

criação e hospedagem de site

As vendas online podem representar um crescimento significativo da receita de muitas empresas brasileiras. Isso porque, segundo relatório apresentado na 4ª Edição do Nuvem Commerce, realizado pela Nuvem Shop, o número de pessoas que compram pela Internet cresceu 10% entre 2017 e 201, saltando de 66 para 73 milhões entre os dois anos e a expectativa é que volume chegue a 87 milhões até 2020.

É fato que as empresas se beneficiam desse cenário positivo para conseguir alavancar suas vendas em lojas virtuais e para isso devem recorrem a sites eficientes e seguros. Se você é um desses empresários, aproveite para entender um pouco mais como funciona a hospedagem dos sites e sua importância para o bom desenvolvimento dos seus negócios.

Vantagens da abertura de um site

O custo baixo para hospedagem de um site é a primeira vantagem identificada pelo empresário que quer aumentar suas vendas sem dispender de grandes recursos naquele momento. Isso porque, é possível gastar R$ 15 por mês para manter uma página no ar, por exemplo.

O grande alcance de um site é outro ponto que deve ser levado em consideração, já que o mesmo pode atingir todos os públicos que navegam pela rede. Ainda de acordo com a pesquisa divulgada pela Nuvem Shop, até 2015 os usuários de Internet representavam 54.5% da população e hoje essa estimativa subiu para 58.3%.

Qualidade da hospedagem do site

Um serviço de qualidade é outro ponto primordial para quem deseja criar um site, seja para vendas de produtos e serviços ou apenas para apresentação dos mesmos.

Muitas empresas nem sempre atendem os requisitos necessários para se hospedar um site de forma satisfatória. Neste caso, sites fora do ar ou muito lentos são identificados com frequência, o que pode frustrar o usuário que não consegue efetuar sua compra.

Quando escolher uma empresa para hospedagem do seu site, considere sempre contratar um plano que utilize apenas uma média 30% do seu tráfego, para permitir crescimento e poder operar com tranquilidade, sem o risco de ter um pico de tráfego e sua página ficar fora do ar.

Um site que não registra quedas nem lentidão garante também uma melhor classificação no Google, por exemplo. Um site com falhas de acessos não permitirá uma boa avaliação, o que não ajudará em nada a sua marca. 

Outros fatores que também são importantes no momento de contratar esse serviço são:

  • Velocidade da transferência de dados;
  • Número de e-mail e domínios;
  • Ter disponíveis servidores de alto desempenho;
  • Alto nível de segurança;
  • Alta eficiência do painel de controle;
  • Garantias.

Tipos de hospedagem

Ter o tipo de hospedagem adequado para o seu site também é primordial para manter sua loja online em plena atividade. Para começar é possível contratar o serviço compartilhado ou VPS, que parecem semelhantes à primeira vista, mas são feitos para um perfil diferente de cliente, dependendo do projeto ou site. Também é preciso destacar a diferença de preço entre os tipos de hospedagem e capacidade do servidor em suportar um site mais pesado, ou seja, um site que necessita de muitos recursos do servidor para funcionar.

A hospedagem compartilhada é a mais comum e também a mais barata entre as duas. Trata-se de um serviço mais fácil de administrar e gerenciar. O ponto negativo é que todos os recursos do servidor, como memória, CPU, espaço em disco e rede são compartilhados entre vários clientes, o que pode gerar problemas e até prejuízos.

Já o serviço VPS, melhor modalidade para quem está criando um site novo e precisa de alguns recursos mais elaborados, permite fazer a personalização que bem entender no servidor conforme sua necessidade. O desempenho é superior se comparado ao sistema compartilhado, permitindo hospedar sites com uma maior quantidade de acessos. Neste modelo também não acontece o compartilhamento do IP entre os clientes, o que torna o serviço mais seguro.

Segurança deve ser prioridade

A segurança de uma loja online é ponto de partida para que os clientes confiem no site e façam suas compras sem medo de ter seus dados roubados, por exemplo. Investir em ferramentas e protocolos que garantam um e-commerce seguro garantirá a proteção dos seus consumidores e também da sua reputação no mercado.

O certificado SSL (Secure Sockets Layer), por exemplo, é uma tecnologia que visa proteger seu site e os visitantes de possíveis ameaças que podem comprometer suas vendas. Ele garante que o usuário está se comunicando com o servidor legítimo de hospedagem e não com algum intermediário que esteja tentando roubar seus dados, por exemplo.

Defina com a empresa que hospedará seu site quais são os sistemas de segurança disponíveis e quais são os ideais conforme a sua necessidade e seu ramo de atuação. Dessa forma, você contratará um serviço completo sem ter que se preocupar com prejuízos futuros.