Guia completo para escolher o nome de domínio perfeito para seu site

domínios suportados pela hospedagem de sites

A escolha de um bom nome de domínio é o primeiro passo para criar um site de sucesso na internet. O pontapé inicial, seja de um pequeno site ou uma grande loja virtual de sucesso, é adquirir um domínio que transmita autoridade e represente seu site como ele precisa.

O registro do domínio é a parte mais fácil, o problema fica por conta de escolher o nome de domínio ideal no meio de tantas combinações e extensões possíveis. E para complicar mais ainda temos que escolher um que não esteja em uso, claro.

Essa escolha do melhor nome de domínio sempre leva muito mais tempo do que pensamos inicialmente. Não é fácil achar um bom nome de domínio, que transmita a mensagem e a confiança que seu site precisa, e que ainda não tenha sido registrado por ninguém.

Como funciona um domínio?

Existem mais de um bilhão de páginas no espaço cibernético. Buscar um site sem nome seria como procurar uma agulha em um enorme campo de futebol com milhões e milhões de metros quadrados. Por essa razão, um domínio se torna tão importante. Sem ele, seria quase impossível localizar a sua página na Internet.

Um domínio funciona da seguinte maneira. Primeiro, o usuário digita o endereço do seu site em um navegador qualquer. Depois, o navegador envia solicitações para os servidores de domínio (também chamados de servidores DNS). Basicamente, um servidor DNS é responsável por encaminhar todos os usuários que acessam o seu domínio a seu site de fato.

Resumidamente, podemos dizer que um domínio é um endereço único e exclusivo de uma página específica na rede. Mesmo se o endereço IP do site for alterado, o usuário ainda pode procura-lo diretamente pelo seu domínio.

Os servidores de domínio (DNS) são essenciais nesse processo, pois eles traduzem um endereço nominal (como um link de um site qualquer) em um endereço IP (como 172.217.29.36).

Nesse contexto, é graças aos servidores DNS que não precisamos decorar um número de IP inteiro. Imagine ter que digitar um endereço IP toda vez que acessar uma página na Web. Nesse caso em especial, é como se alguém te chamasse apenas pelo seu número de CPF, e não pelo nome.

Sem mais delongas, vamos as dicas sobre como escolher um melhor nome de domínio para seu site, blog ou loja virtual.

1. Extensões apropriadas

Uma extensão é um sufixo que permite detalhar um pouco mais sobre o seu site com apenas algumas siglas pré-definidas. Por esse motivo, as extensões são tão essenciais, e é muito importante saber como usá-las. Diante disso, no tópico a seguir, apresentamos alguns dos sufixos mais utilizados para identificar um site na Internet:

  • .com.br – utilizado em sites de diversas categorias no Brasil;
  • .com – utilizado em sites de língua inglesa de diversas categorias;
  • .net – utilizado para sites técnicos, relacionados a tecnologia;
  • .me – utilizado para sites pessoais (currículos) ou blogs;
  • .org – utilizados para organizações sem fins lucrativos;
  • .edu – utilizado em sites relacionados a educação;
  • .info – utilizados em sites informativos;
  • .biz – utilizado em sites de negócios.

Importante ressaltar que você pode usar qualquer um dos domínios acima sem restrição. A lista acima reflete a ideia para o que eles foram pensados originalmente quando criados.

2. Comprimento

O comprimento do nome de domínio é um fator importante que deve ser observado antes de registrar o mesmo. Quando falamos em domínio, menos é mais. Isso quer dizer que é importante dar preferência a nomes de domínios curtos, que sejam fáceis ser memorizados.

O tamanho do nome de domínio é importante não só pelo aspecto visual, mas também para facilitar que um usuário memorize o mesmo. Obviamente, quanto mais curto e simples, melhor é para memorizar o domínio.

Portanto, dê preferência a nomes de domínios curtos que tenham de 2 a 26 caracteres (sem contar o www, que na verdade é um subdomínio).

Caso tenha criado um site com um domínio muito longo, tente utilizar abreviações com sentido e que transmitam a ideia do seu site, isso pode ser eficaz. Além disso, até mesmo para você isso pode ser complicado. Pense, escrever um domínio longo pode ser ruim até para colocar em seu próprio cartão de visita.

3. Seja simples e direto

Ao escolher um domínio para o seu site, é necessário pensar em algo direto, que transmita simplicidade ao usuário. Assim, criar um domínio muito longo nunca é uma boa opção.

Nesse caso, com um link extenso, um usuário pode ficar confuso, cometer erros de digitação e ser levado para outro endereço virtual. Além disso, é mais difícil ainda lembrar de um site quando não conseguimos nem o escrever, não é mesmo?

No conceito de domínios, podemos dizer que ele funciona como uma logomarca para seu site. Logo, se sua logomarca possui ideias confusas, muitas cores, elas acabam ofuscando o verdadeiro intuito do seu produto, e aqui não é nada diferente disso. Um bom domínio sempre agrega mais ao seu negócio. Muitas pessoas são observadoras, seu domínio deve sempre chamar a atenção para o que você pode entregar para um futuro cliente.

Tente sempre evitar que os usuários se confundam ao buscar o seu site, seja diretamente por um link, digitado no navegador ou por uma simples busca no Google. Então, escolha um domínio sem palavras muito complexas ou sofisticadas demais (como por exemplo: www.inconstitucionalidadeformal.com.br).

Nesse caso, a ideia é sempre evitar que o usuário erre ao tentar acessar sua página principal. Não queremos perder um possível cliente ou visitante, não é verdade?

Então lembre-se de utilizar domínios simples, mas que transmitam uma forte ideia sobre o que a sua página tem a oferecer. Além disso, domínios curtos e simples podem ajudar qualquer pessoa a divulga-la em redes sociais, como no Twitter ou Facebook.

É sempre bom ter um domínio com um nome bem atraente e interessante, que convide o seu usuário a conhecer mais sobre você ou sobre algum produto específico da sua loja virtual.

4. Use seu local

Quando temos um negócio local é interessante adicionar esse local no endereço do site. Esta é uma forma das pessoas identificarem que aquele negócio é local e que é de onde elas buscam.

Essa associação com um local aumenta o número de cliques na SERP (resultados de buscas) porque os clientes podem ter certeza que ele oferece o que eles querem antes mesmo de clicarem em seu site.

Digamos que você ofereça algum serviço destinado exclusivamente para o Rio. Então é interessante pensar em um domínio como servicorj.com.br.

5. Palavras-chaves importantes

Ao escolher o melhor nome de domínio para seu projeto tente adicionar palavras-chaves que descrevam sua empresa ou negócio. Não podemos esquecer claro das demais regras, mas sempre que possível é recomendado adicionar palavras-chaves importantes no nome do domínio.

Essa associação do nome de domínio com palavras-chaves que reflitam a idea ou mensagem do seu negócio pode até mesmo ajudar o usuário a memorizar o mesmo. Porque sempre que ele pensar nesta palavra-chave importante ele vai lembrar do seu site.

6. Seja criativo

Na hora de escolher um bom nome de domínio a criatividade pode ser uma importante aliada. A escolha de um domínio que seja criativo, do tipo que as pessoas pensem “Nossa, que sacada inteligente esse domínio” pode facilitar a memorização.

Mas não se esqueça que você deve ser criativo e ao mesmo tempo simples, criatividade demais pode atrapalhar quando se fala em nome de domínio.

7. Não utilize marcas protegidas

Ao registrar um domínio é muito importante não utilizar nomes de marcas registradas. Os sistemas de registros permitem qualquer nome de domínio, não é feito uma análise prévia, porém isso não significa que é permitido utilizar aquele nome de domínio.

A empresa dona da marca pode entrar com uma ação para exclusão de domínios protegidos por direitos autorais, dentre outras medidas.

Portanto, evite escolher domínios que sejam marcas registradas ou façam alusão há alguma empresa ou marca.

8. Utilize somente letras

Evite utilizar hífen ou números no nome de domínio, ou seja, utilize somente letras. Os números são uma causa frequente de confusão, porque o usuário pode não lembrar se ele deve ser escrito por extenso ou numeral. Até mesmo na hora de falar o endereço para alguém quando ele possui número é preciso especificar se ele é por extenso ou não.

9. Registre outros domínios

O seu domínio principal é um endereço único, exclusivo da sua página, e que todos irão acessar, mesmo estando em outra parte do mundo.

Com isso, também é possível criar domínios correlacionados, ou seja, domínios que criam um vínculo com o seu domínio principal. Nesse contexto, podemos criar e registrar outros tipos de domínio que sejam muito similares ao seu, evitando que pessoas possam se confundir e entrar em sites sem qualquer relação com a sua.

Diante desse fato, talvez possa ser útil criar domínios personalizados, ou seja, domínios com alguma similaridade com o domínio principal. Nesse caso, criar algo como (www.casadamoeda.com e www.casamoeda.com) pode ser uma boa estratégia para redirecionar o público ao seu site principal.

Não está muito convencido disso? Muitas empresas acabam utilizando essa estratégia para redirecionar as pessoas aos seus domínios principais. Um grande exemplo disso é o próprio Google. Assim, mesmo se digitarmos o endereço de forma errada (algo como www.gogle.com), o usuário ainda será redirecionado ao endereço principal do site.

Isso acontece por uma simples razão, o Google também comprou outros domínios levando em conta os erros mais comuns de digitação, e nesse caso foi uma ótima estratégia para evitar a fuga de visitantes.

Outro ponto é que você também pode se aproveitar dos erros mais comuns de digitação para aumentar os acessos do seu site (parecido com o que vimos anteriormente). Levado isso em conta, um dos erros mais comuns é o fato de esquecer do ponto ao digitar www, como por exemplo wwwgoogle.com.

Nesse caso, até a empresa Google pensou nisso, registrando um endereço errado que pudesse redirecionar as pessoas a página principal. Não acredita? Então tente acessar a página (wwwgoogle.com).

Veja também
Motivos para registrar vários domínios e extensões diferentes

No conceito de domínio, registrar vários links que remetam a sua página é realmente uma estratégia eficaz. Algo que também funciona é comprar extensões (sufixos) similares, nesse caso, muitas empresas acabam criando um banco de domínios, variando as extensões deles (Exemplo: www.google.com e www.google.pt).

10. Proteja variações do seu domínio

É importante proteger a sua marca, para isso registre várias extensões de seu domínio para que outra pessoa ou empresa não as registre. Essa é uma forma de garantir que não terá nenhuma imitação do seu site por aí.

11. Proteja sua marca contra golpes

Além de registrar o máximo de extensões possíveis, é importante registrar também os erros de digitação. Ao digitar facebok.com você é redirecionado ao endereço correto do facebook.com.

Agora imagina se o Mark Zuckerberg não tivesse registrado esse domínio, provavelmente ele estaria sendo usado para exibir um monte de propagandas ou até para aplicar golpes nas pessoas.

É preciso ter em mente que o Brasil está entre os países com maiores números de fraudes virtuais. Portanto, proteger sua marca para evitar que algum criminoso crie uma imitação do seu site para enganar as pessoas é uma preocupação muito importante.

12. Registre o seu domínio o quanto antes

Ao terminar todos os processos, você pode se deparar com um domínio perfeito para a sua marca, então agora é hora de registrá-lo. Registrar um domínio é o último passo a se seguir. Então, faça isso o quanto antes, o mais rápido possível, pois pode ser que outra pessoa tenha pensado em algo similar. Assim, alguém pode acabar registrando antes de você.

13. Renovação

Outra dica muito importante – um domínio é como um contrato entre ambas as partes, ele deve ser renovado anualmente, também sendo possível estender esse contrato por mais tempo (alguns casos até 10 anos).

Portanto, nunca se esqueça de renovar esse contrato, já que você pode acabar perdendo o seu domínio. Existem muitos casos de empresas que acabaram perdendo seus domínios por conta disso. Então, lembre-se disso, esquecer de renovar um domínio pode fazer com que você perca a identidade do seu site e da sua empresa.

Além dessas dicas, sempre se certifique de que a escrita do seu domínio ou marca estejam corretos. Nesses conformes, caso registre um domínio errado, não é possível modifica-lo novamente, então terá que esperar até que o período de renovação chegue para cancela-lo e tentar outra vez.

Conclusão

Nesse artigo, apresentamos detalhes importantes para te ajudar a escolher um nome de domínio. Como vimos, a escolha de um domínio é tão importante quanto o layout da sua página principal. O seu site é a alma de todo o seu negócio e o domínio é o que leva as pessoas para conhece-la.

Então, nunca se esqueça disso e lembre-se que é necessário caprichar na escolha, transmitindo algo interessante, chamativo e exclusivo. Esperamos que essas dicas tenham o ajudado no processo de escolha de um domínio atraente e interessante!